• Imprimir

Jefferies International

Início de Cobertura: 02-12-2010

Resumo do último relatório deste analista

A força das operações na Polónia deve-se manter como elemento do 3º trimestre, assim com a diluição das perdas da Colômbia. O risco que identificamos é a possível deterioração, a partir de agora, do equilíbrio entre estes dois elementos. Vimos a possibilidade de mudanças na regulamentação sobre o encerramento do comércio aos domingos como um incremento positivo em 2018 mas estamos cautelosos com as estimativas menos favoráveis no curto prazo. Recomendação reduzida para Manter.

Analista: James Grzinic

e-mailjgrzinic@Jefferies.com

A informação aqui disponibilizada refere-se a recomendações emitidas por analistas que acompanham a acção Jerónimo Martins. Quaisquer opiniões, estimativas ou previsões feitas por esses analistas são da sua inteira responsabilidade e não representam opiniões, estimativas ou previsões de Jerónimo Martins ou dos seus gestores.

A disponibilização desta informação por Jerónimo Martins não constitui qualquer proposta, recomendação ou sugestão de compra, de venda ou de manutenção de acções em Jerónimo Martins. Jerónimo Martins não garante que a informação disponibilizada esteja permanentemente actualizada ou que contemple todas as opiniões existentes acerca da acção Jerónimo Martins. Deve ter-se em conta que quaisquer estimativas ou previsões são, por definição, prospectivas e, como tal, sujeitas a riscos, incertezas e alterações.

Em todo o caso a informação aqui disponibilizada não dispensa a leitura e deverá ter em conta o teor integral das análises subjacentes às recomendações em causa. Nem a Jerónimo Martins nem os seus gestores se responsabilizam por quaisquer erros, imprecisões ou omissões contidos nas referidas opiniões dos analistas ou por quaisquer actos que venham a ser praticados com base nessas opiniões.