Skip to content
  • Home // 
  • Resultados do Primeiro Trimestre de 2021
  • Partilhar
  • Ouvir

Resultados do Primeiro Trimestre de 2021

Vendas crescem 1,5% no primeiro trimestre

O desempenho das vendas marca um início de ano sólido, num período ainda muito condicionado pelas medidas restritivas nos países onde o Grupo opera e num contexto que se mantém de elevada incerteza em resultado da evolução da pandemia.

As vendas cresceram 1,5% para 4,8 mil milhões de euros (+5,7% a taxas de câmbio constantes). O EBITDA aumentou 4% (+8,9% a taxas de câmbio constantes) para 322 milhões de euros, com a respectiva margem a cifrar-se nos 6,7% (6,6% no mesmo período de 2020), reflectindo o efeito combinado do desempenho das vendas, da assertividade da gestão do mix de margem e da disciplina de custos das Companhias.

No trimestre, o investimento foi de 78 milhões de euros, dos quais cerca de 55% alocados à Biedronka. O resultado líquido aumentou 66,3% para os 58 milhões de euros.

Vendas
4,8 mil M€
Lucro
58 M€
EBITDA
322 M€
Investimento
78 M€

Mensagem do Presidente e Administrador-Delegado

Pedro Soares dos Santos

Este trimestre é particularmente difícil de comparar com o mesmo período de 2020, quando registámos um excelente desempenho em Janeiro e Fevereiro, antes de sermos forte e inesperadamente afectados pelos primeiros efeitos, em Março, da pandemia de Covid-19.

A resiliência demonstrada e o bom trabalho realizado em 2020 levaram as nossas insígnias a entrar em 2021 com propostas de valor reforçadas e preparadas para responder com assertividade à incerteza que rodeia a evolução da pandemia e os seus impactos.

Apesar da exigência das actuais circunstâncias, suportados na visão de longo prazo do Grupo e na força do seu balanço, os nossos negócios tudo farão para continuar a crescer, mantendo intacto o foco prioritário na protecção das nossas pessoas e dos nossos clientes, na colaboração com os nossos fornecedores e no apoio às comunidades que servem. Paralelamente, os projectos de eficiência em curso permitirão continuar a reforçar os modelos de negócio e proteger a rentabilidade.

Mesmo sabendo que, pela sazonalidade, o primeiro trimestre é o de menor materialidade, os resultados alcançados são encorajadores e reforçam a nossa confiança na capacidade de cada insígnia garantir a preferência dos consumidores e entregar crescimento rentável em 2021.

Nota: A análise de desempenho neste comunicado é apresentada incluindo o impacto da IFRS16