Skip to content
  • Home // 
  • Políticas de inclusão do Grupo Jerónimo Martins distinguidas pelo IEFP
  • Partilhar
  • Ouvir

Políticas de inclusão do Grupo Jerónimo Martins distinguidas pelo IEFP

Recheio Cash & Carry e holding do Grupo entre as 37 entidades premiadas

As políticas de inclusão do Grupo Jerónimo Martins foram distinguidas pelo Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP), que atribuiu à holding do Grupo e ao Recheio Cash & Carry a distinção Marca Entidade Empregadora Inclusiva 2021.

O prémio Marca Entidade Empregadora Inclusiva 2021 distinguiu 37 dos 133 candidatos, de entre empresas, entidades públicas e sector social, pelas suas práticas de gestão abertas e inclusivas relativamente às pessoas com deficiência e incapacidade, a partir da análise dos dados de 2019 e 2020.

Os programas de inclusão no mercado de trabalho, a adequação das infraestruturas, ou a adaptação das ferramentas de comunicação interna para serem acessíveis a todos, estão entre as iniciativas que o IEFP valorizou.

Para Susana Correia de Campos, Directora de Relações Laborais do Grupo Jerónimo Martins, “esta distinção vem atestar o trabalho que o Grupo Jerónimo Martins tem vindo a realizar enquanto empregador de referência focado na igualdade e inclusão social. Acima de tudo, é um reconhecimento à nossa equipa técnica, aos nossos tutores, aos nossos parceiros especialistas nas diferentes tipologias da deficiência que nos apoiam no recrutamento, formação e desenvolvimento dos candidatos, e, claro aos colaboradores que temos vindo a integrar através das nossas políticas de inclusão e que tanto têm contribuído para o reforço da cultura do Grupo e para o nosso espírito de equipa”.

Programas de inclusão, acessibilidades e comunicação inclusiva valorizados pelo IEFP

As infraestruturas do edifício-sede do Grupo foram adaptadas para os colaboradores com deficiência e os equipamentos em lojas do Recheio foram também adaptados de forma a serem usados por pessoas cegas e surdas. Sinais sonoros e luminosos nas empilhadoras, sinais sonoros nas portas automáticas e elevadores para colaboradores com mobilidade reduzida são exemplos das adaptações feitas pelo Recheio.

A comunicação interna dos diversos canais do Grupo e das suas Companhias é disponibilizada em formato HTML para possibilitar leitura pelo software para pessoas cegas.

Desde 2017, o Recheio emprega pessoas com deficiência intelectual e cognitiva através do Project Search. Integrado no âmbito do Programa Incluir* e desenvolvido em parceria com a Cooperativa Focus, o Project Search chega a aproximadamente 10 a 12 formandos por ano. Desde o seu início, criou 13 oportunidades de emprego.

A 31 de Dezembro de 2020, o Recheio tinha nos seus quadros 31 colaboradores efectivos com deficiência e incapacidade, num universo de 2021.

A preocupação do Grupo com as práticas de gestão e de empregabilidade inclusivas estende-se além das suas práticas internas. O Código de Conduta de Fornecedores do Grupo Jerónimo Martins estabelece as regras e princípios a que terão de obedecer para poderem ser considerados parceiros elegíveis, e tem entre as suas determinações a inexistência de qualquer forma de discriminação assente em factores como a condição de saúde e/ou deficiência.

* Criado em 2015 o Programa Incluir visa a promoção da empregabilidade de grupos de pessoas em situação de desvantagem no acesso ao mercado de trabalho, com destaque para pessoas com deficiência, migrantes e refugiados e pessoas em situação social de risco. Actualmente, conta com 250 tutores internos, mais de 210 locais de trabalho, e com a participação de mais de 50 parceiros especializados em diferentes áreas da inclusão social.

Este programa já proporcionou mais de 550 oportunidades de emprego e levou directamente à contratação de cerca de 280 pessoas pelo Grupo e suas Companhias.