Skip to content
ABRAÇAMOS A COMUNIDADE

Apoiamos e juntamo-nos a iniciativas que adicionem valor para as comunidades onde estamos inseridos.
  • Partilhar
  • Ouvir

Iniciativas Sociais

PORTUGAL

Com o objectivo de fomentar o empreendedorismo social e a sustentabilidade financeira das instituições do terceiro sector, promovemos a comercialização de bens alimentares produzidos por instituições que se dedicam ao combate da exclusão social na sociedade portuguesa.

Sob o lema “Ser Solidário tem Outro Sabor” a iniciativa do Mercado Social deu aos nossos clientes a oportunidade de conhecer e comprar os produtos da Casa de Santo António e da Mercearia Semear no Pingo Doce de Telheiras, em Lisboa. As vendas resultantes desta iniciativa ascenderam a mais de 4.600 euros, que reverteram na totalidade para ambas as instituições.

A colaboração de Jerónimo Martins com a instituição Semear foi iniciada em 2014 com o objectivo de apoiar pessoas dos 18 aos 45 anos com dificuldade intelectual e do desenvolvimento, através de projectos que lhes permitam ultrapassar barreiras à sua inclusão socioprofissional, com especial enfoque no sector agroalimentar.

Além do apoio técnico oferecido pelo Grupo e pelo fornecedor Estevão Luís Salvador, as lojas Pingo Doce comercializaram os produtos da Semear, procurando fomentar uma cultura de actividade de negócio que contribua para a sustentabilidade financeira da instituição. Em 2018, venderam-se 7,5 toneladas de abóbora butternut (manteiga) produzidas pela Semear.

Em parceria com o CEERDL – Centro de Educação Especial Rainha Dona Leonor, uma instituição que presta serviços de ocupação, reabilitação terapêutica, apoio residencial e domiciliário, formação profissional e apoio ao emprego de pessoas com deficiência e com doença mental, vendemos, desde 2012, ramos de lírios. Em 2018, as flores totalizaram mais de 107.000 euros em vendas.

Apoiamos, desde 2013, o projecto “Cogumelo Solidário”, da AANP – Associação dos Albergues Nocturnos do Porto, para a venda de cogumelos shitake produzidos em modo biológico. Este projeto visa contribuir para a sustentabilidade financeira dos serviços prestados por esta entidade a pessoas em situação de sem-abrigo. Venderam-se mais de 4.100 packs de shitake em 2018 nas lojas Pingo Doce.

Destacam-se ainda as iniciativas promovidas pelo Pingo Doce junto dos seus clientes, com o objectivo de angariar fundos para projectos sociais.

A campanha Super Animais 3, realizada em parceria com o Dino Parque da Lourinhã, teve como objectivo sensibilizar os públicos mais jovens e suas famílias para o conhecimento das diversas espécies de animais pré-históricos.

Por cada “Grande Álbum do Explorador” vendido, o Pingo Doce ofereceu 0,20 euros para projectos de desenvolvimento e conservação do Património Paleontológico Português do Dino Parque. Com mais de 452.000 unidades vendidas, foram entregues mais de 93.000 euros ao fundo que gere as actividades do Parque.

Já a Campanha Super Desportos foi desenvolvida no âmbito da promoção de modalidades desportivas e da inclusão social pelo desporto, contando com a colaboração do Instituto Português do Desporto e da Juventude.

Por cada álbum vendido, 0,20 euros reverteram a favor do projecto “Desporto com Sentido”, da Associação de Paralisia Cerebral de Almada Seixal (APCAS), que visa a inclusão de crianças e jovens com deficiência através da prática desportiva e da promoção de hábitos de vida saudáveis. Foram doados mais de 71.000 euros a esta instituição.

Ao nível Corporativo, apoiamos o projecto Eco-Cozinheiros, lançado em parceria com a ABAE – Associação Bandeira Azul Europa, no âmbito do programa Alimentação Saudável e Sustentável, que visa sensibilizar os alunos das escolas participantes para temas como a alimentação, a nutrição e a sustentabilidade da produção agro-alimentar.

No âmbito deste projecto, que abrangeu directamente mais de 60 mil crianças de vários escalões académicos, desde creches e jardins-de-infância, a escolas básicas, secundárias e profissionais, os alunos submeteram 190 trabalhos a avaliação.

Apoiamos, desde 2014, a realização da conferência “O Que de Verdade Importa”, em Lisboa, uma iniciativa da fundação com o mesmo nome e que contou, em 2018, com cerca de 2.700 participantes. O objectivo destas conferências é o de difundir, junto de diversos públicos, valores humanos, éticos e morais universais. Para isso, conta com oradores que procuram motivar para a mudança social, cultural e humanista.

 

POLÓNIA

No âmbito da parceria com a Danone, a Lubella e o Instytut Matki i Dziecka (Instituto da Mãe e da Criança) – Partnerstwo dla Zdrowia (Parceria para a Saúde) – vendemos, em 2018, mais de 522 mil unidades, todos os meses, da gama Milk Start.

Este projecto, iniciado em 2006, visa combater a subnutrição das crianças polacas mais desfavorecidas. Nestes mais de 10 anos, vendemos, sem qualquer lucro associado, mais de 200 milhões de unidades desta gama de produtos, cujos perfis nutricionais providenciam até 25% das necessidades diárias recomendadas de vitaminas e minerais para o crescimento das crianças.

No âmbito da mesma parceria, o programa Śniadanie Daje Moc (O Pequeno-Almoço Dá Força), que procura sensibilizar as crianças até aos três anos de idade, os seus pais e os professores, para a importância da primeira refeição do dia no contexto de uma nutrição equilibrada e de um crescimento saudável.

O ano lectivo 2017/2018 contou com a adesão de 8.318 escolas primárias polacas (um aumento de 6,3% face ao ano lectivo anterior), representando mais de metade das escolas do país e envolvendo mais de 275.000 alunos, um aumento superior a 80.000 crianças. No ano lectivo 2018/2019, e até Dezembro, cerca de 344.000 alunos e 8.711 escolas participaram nesta iniciativa (um aumento de 25% e de 5%, respectivamente).

Em parceria com o fornecedor de vegetais Green Factory, apoiamos desde 2016 o programa Zielona Kraina (Terra Verde), que conta com a participação do Instytut Żywności i Żywienia (Instituto de Alimentação e Nutrição Polaco), com o objectivo de fomentar hábitos de alimentação mais saudáveis entre as gerações mais jovens.

Contando com nutricionistas e cozinheiros, e alinhado com os programas escolares e padrões alimentares recomendados por especialistas, realizámos, em 2018, 402 workshops culinários em 143 escolas de 14 cidades, que tiveram como público-alvo 7.934 alunos e abrangeram também cerca de 400 professores.

A Biedronka é, desde 2018, o principal patrocinador da associação Nadzieja Na Mundial (Esperança para o Mundial), uma associação que pretende, através da socialização pelo desporto, apoiar o desenvolvimento de crianças provenientes de famílias com dificuldades económicas e que se encontram institucionalizadas.

Esta organização promove torneios de futebol com crianças e jovens da Polónia e do resto do mundo. O investimento de 150.000 euros permitiu apoiar a logística das competições, oferecer alimentos durante os eventos às cerca de 400 crianças participantes e pagar os prémios aos vencedores.

 

COLÔMBIA

Entre 2014 e 2016 apoiámos a iniciativa governamental Madres Comunitarias, que pretende ajudar com géneros alimentares as amas que cuidam de crianças até aos 5 anos de idade provenientes de famílias com poucos recursos financeiros.

O apoio dado pela Ara foi monitorizado junto das amas, através de representantes do Instituto Colombiano de Bienestar Familiar (ICBF), que avaliaram o correcto encaminhamento dos alimentos, assim como o bem-estar mental e físico das crianças beneficiadas.

Neste período, foram abrangidas mais de 3.600 crianças, provenientes de 262 creches. Oferecemos mais de 14.750 cabazes alimentares durante estes três anos, num valor superior a 179 mil euros, o equivalente a mais de 220 toneladas de alimentos doados.

Em 2018, estabelecemos um novo protocolo com o Instituto de Bienestar Familiar para a oferta de produtos de higiene pessoal às mais de 9.400 crianças ao cuidado das Madres Comunitarias, através da oferta do equivalente a 8.800 euros em produtos como escovas de dentes, pastas dentífricas, géis de banho e toalhetes de mãos. Adicionalmente, pelo Natal, foram oferecidos presentes às crianças, num valor de cerca de 66.000 euros.

PRÉMIOS DE LITERATURA INFANTIL

Consciente de que a promoção e difusão da literatura infantil funciona como um catalisador do conhecimento, espírito crítico e criatividade junto das gerações mais jovens, o Pingo Doce iniciou, há uma década, o desenvolvimento de livros infantojuvenis a preços acessíveis a todos os orçamentos familiares.

Os Prémios de Literatura Infantil Pingo Doce e Biedronka têm como objectivo incentivar a criatividade literária e artística, premiando obras originais, e democratizar o acesso à leitura numa fase importante do desenvolvimento cognitivo e emocional das crianças.

Em 2018, a 5.ª edição do Prémio de Literatura Infantil Pingo Doce e a 4.ª edição do Piórko, que recompensam os vencedores com um valor de 50.000 euros a dividir igualmente pelas categorias de texto e ilustração e com a oportunidade de publicação e venda das suas obras, resultaram em mais de 1.200 e 3.900 candidaturas, respectivamente.

Desde as suas primeiras edições, o número total de livros premiados vendidos ascende, respectivamente, a cerca de 87.000 e 130.000, sendo o valor acumulado dos prémios oferecidos a escritores e ilustradores de 450.000 euros.