Skip to content
DESEMPENHAMOS O NOSSO PAPEL

Ao mesmo tempo que garantimos o pescado mais fresco aos nossos clientes, desempenhamos um papel na protecção do futuro dos stocks de peixe e dos oceanos.
  • Partilhar
  • Ouvir

Pescado Sustentável

Há cerca de 5 anos que caracterizámos os potenciais riscos das espécies de pescado mais vendidas pelas Companhias em Portugal e na Polónia. Esta análise, efectuada por uma entidade especializada independente, em conjunto com as equipas de Ambiente e de Sustentabilidade, identificou aspectos como o nível de exploração dos stocks, os impactes sobre os ecossistemas e as comunidades envolventes, a rastreabilidade e as condições laborais, concluindo-se que nenhuma das espécies comercializadas apresentava risco elevado.

Ainda no contexto da nossa estratégia de pescado sustentável, em 2016 avaliámos  o grau de vulnerabilidade de todas as espécies de pescado comercializadas em Portugal e na Polónia. Como resultado desta análise definimos linhas de acção para reduzir a pressão sobre espécies ameaçadas1:

  • 01

    espécies “Criticamente em Perigo”

    Proibir a compra e venda de espécies classificadas como “Criticamente em Perigo” e para as quais não existam licenças extraordinárias que o permitam de que é exemplo a enguia ibérica (Anguilla anguilla)

  • 02

    espécies “Em Perigo”

    Procurar alternativas provenientes de aquacultura para as espécies classificadas como “Em Perigo”, não realizando acções promocionais envolvendo as que têm origem em populações selvagens e que não sejam provenientes de stocks geridos de forma sustentável e/ou que não apresentem certificado de sustentabilidade

  • 03

    espécies no nível “Vulnerável”

    Limitar as acções promocionais de espécies classificadas no nível “Vulnerável” sempre que não sejam provenientes de aquacultura e/ou que não sejam provenientes de stocks geridos de forma sustentável e/ou que não apresentem certificado de sustentabilidade

Em 2018, e com base nas espécies identificadas em 2015, cumprimos com as directrizes acima definidas:

  • Não vendemos espécies classificadas como “Criticamente em Perigo”, para as quais não existam licenças extraordinárias para o efeito;
  • Apenas realizámos promoções de espécies classificadas como “Em Perigo” para espécies provenientes de aquacultura;
  • Reduzimos em 20% as promoções de espécies classificadas como em estado Vulnerável”, sendo que, destas, mais de 80% foram provenientes ou de espécies criadas em aquacultura ou de stocks geridos de modo sustentável.

Adicionalmente, destacamos a introdução de referências de pescado Marca Própria com certificação de sustentabilidade Marine Stewardship Council (MSC), tendo atingido as 27 referências na Polónia em 2018 (um incremento de cerca de 70% face a 2017).

Notas:

1 Baseada na classificação da International Union for Conservation of Nature and Natural Resources (IUCN) e da Convention on International Trade and Endangered Species of Wild Fauna and Flora (CITES).

Verificação Independente

Os dados referentes à informação sobre a conformidade com a Política de Pescado Sustentável do Grupo foram verificados por uma entidade externa e independente no âmbito do Relatório e Contas de 2018 do Grupo.

Relatório Independente

Consulte o Relatório Independente de Garantia Limitada de Fiabilidade 2018.