Skip to content
DESEMPENHAMOS O NOSSO PAPEL

Ao mesmo tempo que garantimos o pescado mais fresco aos nossos clientes, desempenhamos um papel na conservação dos stocks de peixe e dos oceanos.
  • Partilhar
  • Ouvir

Pescado Sustentável

O Grupo assumiu o compromisso de garantir que os produtos de pescado fresco, congelado ou enlatado que as Companhias comercializam não promovem a sobreexploração, depleção ou extinção de espécies.

Desde 2016, e com uma periodicidade de três anos, fazemos uma avaliação do estado de conservação das espécies de pescado que comercializamos (nos Perecíveis e na Marca Própria) em todas as Companhias. Esta análise, realizada em conjunto com as equipas de Ambiente, Comercial, Qualidade e Sustentabilidade, considera o nível de risco de extinção das espécies de acordo com a base de dados da Lista Vermelha da União Internacional para a Conservação da Natureza e dos Recursos Naturais (IUCN Red List of Threatened Species) e o nível de exploração dos stocks de pescado com base nas avaliações realizadas pelos respectivos organismos científicos regionais (por exemplo, o International Council for the Exploration of the Sea para o Atlântico Norte).

Estratégia de Pescado Sustentável

Sempre que é feita uma nova avaliação que identifique áreas de melhoria, actualizamos a nossa estratégia. Foi o que aconteceu em 2020, a partir da análise realizada em 2019 que avaliou mais de 200 espécies de pescado e marisco. Estes são os nossos compromissos:

  • 01

    ESPÉCIES “CRITICAMENTE EM PERIGO”

    Proibir a compra e venda de espécies classificadas como “Criticamente em Perigo” e para as quais não existam licenças extraordinárias que o permitam.

  • 02

    ESPÉCIES “EM PERIGO”

    Não comercializar espécies classificadas como “Em Perigo”, sempre que não sejam provenientes de aquacultura e/ou de stocks geridos de forma sustentável e/ou que não apresentem certificado de sustentabilidade (por exemplo, MSC).

  • 03

    ESPÉCIES “VULNERÁVEIS”

    Limitar as acções promocionais de espécies classificadas no nível “Vulnerável” sempre que não sejam provenientes de aquacultura e/ou de stocks geridos de forma sustentável e/ou que não apresentem certificado de sustentabilidade.

Relativamente às espécies classificadas como “Criticamente em Perigo”, nas análises que realizámos apenas a espécie enguia-europeia (Anguilla anguilla) tinha este nível de risco. É por este motivo que não é comercializada nas nossas lojas desde 2016. Apesar de a enguia-europeia ser proveniente de aquacultura, estes sistemas de produção dependem da recolha de “juvenis” (enguias-de-vidro) dos meios naturais, continuando a exercer pressão sobre as populações selvagens.

Adicionalmente, procuramos introduzir no mercado novas referências de pescado de Marca Própria com certificações de sustentabilidade. Em 2020, as companhias do Grupo comercializaram 19 referências de produtos com certificação Marine Stewardship Council (MSC) e 16 referências com certificação Dolphin Safe.

Verificação Independente

Os dados referentes à informação sobre a conformidade com a Estratégia de Pescado Sustentável do Grupo foram verificados por uma entidade externa e independente no âmbito do Relatório e Contas de 2020 do Grupo.

Relatório Independente

Consulte o Relatório Independente de Garantia Limitada de Fiabilidade 2020.