Skip to content
A escolha certa

Procuramos optimizar a utilização de materiais de embalagem sem pôr em causa a qualidade e segurança alimentar dos nossos produtos.
  • Partilhar
  • Ouvir

Materiais e Embalagens

Colaboramos com os nossos fornecedores no desenvolvimento de produtos e embalagens com o objectivo de reduzir a quantidade de materiais utilizados, promover a utilização de materiais reciclados e assegurar a reciclabilidade no nosso sortido de Marca Própria e Perecíveis.

Em 2020, o consumo total de materiais no Grupo reduziu-se em 1,9% por cada milhão de euros de vendas.

9,2%
REDUÇÃO DE PLÁSTICOS DE UTILIZAÇÃO ÚNICA*

* por 1 milhão de euros de vendas

a 31/12/2020, face ao ano anterior

Consumo de Plástico

Em 2020, aderimos ao Pacto Português para os Plásticos, ao Pacto Polaco para os Plásticos – através da Biedronka – e integrámos o grupo de trabalho de design do Plastic Waste Coalition of Action do The Consumer Goods Forum.

Considerando ainda a nossa adesão ao New Plastic Economy Global Commitment, liderado pela Fundação Ellen MacArthur, temos o compromisso de até 2025:

  • garantir que todas as embalagens de plástico de Marca Própria são reutilizáveis ou recicláveis;
  • incorporar pelo menos 25% de conteúdo reciclado nas embalagens de plástico de Marca Própria;
  • reduzir em 10%, face a 2018, o consumo específico de plástico medido em toneladas de embalagens de plástico por cada milhão de euros de volume de negócios.

Em 2020, o plástico representou 31% do total de materiais utilizados nas quatro categorias de embalagens: Marca Própria, serviço, sacos de caixa e filme de paletização.

Plásticos de Utilização Única

Em 2020, reduzimos o recurso a plástico de utilização única em quase todas as categorias devido aos esforços das Companhias para anteciparem as metas de redução do consumo de plástico descartável. As únicas excepções foram os sacos do lixo e o filme de paletização. O consumo específico de plásticos de utilização única diminuiu 9,2% por cada milhão de euros de vendas.

Estas são algumas das medidas que temos vindo a adoptar para reduzir o consumo de Plásticos de Utilização Única:

  • Em 2020, passámos a utilizar palhinhas de papel nos leites de Marca Própria de 200 ml do Pingo Doce e do Recheio e, no início de 2021, concluímos a substituição do plástico por papel nas palhinhas dos sumos de 200 ml de Marca Própria em Portugal. Esta alteração gera uma redução anual de 15 toneladas de plástico descartável.
  • A linha de acessórios para o lar de Marca Própria Pingo Doce lançada em 2020 incorpora plástico reciclado em diferentes percentagens, o que evita o consumo anual de 5,1 toneladas de plástico virgem. Ainda em 2020, o Pingo Doce e o Recheio passaram para 100% o teor de plástico reciclado utilizado nos sacos do lixo de Marca Própria. Esta alteração reintroduz na economia mais de 1.700 toneladas de plástico reciclado pós-consumo por ano, evitando o consumo da mesma quantidade de plástico virgem.
  • Desde 2019 que, na Biedronka, substituímos a palhinha de plástico por outra em papel em dois sumos de Marca Própria, retirámos as colheres plásticas de um iogurte e substituímos o garfo de plástico por outro em madeira numa salada pronta a comer. No total, estas medidas evitam o uso de 18 toneladas de plástico descartável por ano.
  • Desde 2020 que os produtos de higiene pessoal, cosmética e detergentes de Marca Própria do Pingo Doce, do Recheio e da Biedronka não incluem microplásticos nos seus ingredientes.
  • Substituímos em 2019 os bastões de plástico por bastões de papel certificado nos cotonetes de Marca Própria, comercializados na Polónia e em Portugal. No total, foram evitadas cerca de 330 toneladas de plástico por ano.
  • Nas toalhitas de higiene pessoal comercializadas na Biedronka, as fibras de plástico foram substituídas em 2019 por fibras de algodão. Esta alteração permitiu evitar a utilização de cerca de 220 toneladas de plástico por ano.

Desde 2019 que os microplásticos foram substituídos por materiais degradáveis nas fórmulas de produtos de limpeza, de cuidados da roupa e de higiene pessoal comercializados na Polónia e em Portugal, evitando a utilização de mais de quatro toneladas por ano de microplásticos.

Consumo de papel

Procuramos não só promover a utilização de papel proveniente de florestas geridas de forma sustentável mas também reduzir o seu consumo.

Em 2020, reduzimos em 42,7% o consumo total de papel utilizado em folhetos promocionais em todas as Companhias, em resultado da pandemia. Adicionalmente, o papel utilizado nos folhetos e catálogos o Pingo Doce e do Recheio contém o Rótulo Ecológico Europeu, a certificação Forest Stewardship Council (FSC®) ou Programme for the Endorsement of Forest Certification (PEFC). O mesmo acontece para os folhetos da Biedronka.

Em Portugal, o papel utilizado na impressão das revistas das nossas insígnias tem certificação PEFC ou FSC® e/ou as empresas que o produzem têm a certificação ISO 14001.

Ecodesign de Embalagens

Uma estratégia de sustentabilidade eficaz implica mudar práticas internas e trabalhar em parceria com os nossos fornecedores, de forma a melhorarmos o perfil de ecoeficiência das embalagens de Marca Própria. O objectivo é reduzir o impacte ambiental e optimizar os custos de produção, transporte e gestão de resíduos.

Em 2020, implementámos 148 projectos de ecodesign de embalagens (78 na Biedronka, 36 no Pingo Doce, 14 na Hebe, 10 no Recheio e 10 na Ara).

Entre 2011 e 2020 poupámos cerca de 27.500 toneladas de materiais e evitámos a emissão de cerca de 4.500 toneladas de CO2 (em transportes) através da melhoria da ecoeficiência das embalagens em mais de 534 referências de Marca Própria.

Embalagens Reutilizáveis

Procuramos, cada vez mais, reutilizar materiais nas nossas operações. Em Portugal, e em 2020, usámos 39,1 milhões de caixas plásticas reutilizáveis para Perecíveis. Na Colômbia, disponibilizámos caixas de transporte reutilizáveis para água engarrafada e para fruta e legumes. Na Polónia, em 2020, recorremos a 27,5 milhões de caixas reutilizáveis para produtos de padaria. No total, evitámos a utilização de mais de 35 mil toneladas de embalagens descartáveis.

Os sacos de plástico disponíveis nas caixas de pagamento de todas as Companhias são pagos. Desde 2007, sem esperar pelas imposições legais nesse sentido, que o Grupo foi adoptando progressivamente esta medida, como forma de promover a reutilização dos sacos pelos clientes.

Desde 2018 que o Pingo Doce, em parceria com a New Water Project, disponibiliza uma solução de enchimento de garrafas de plástico reutilizáveis. No final de 2020, a garrafa ECO estava em 138 lojas e permitiu evitar o consumo de 73 toneladas de plástico durante o ano.

A Biedronka e o Pingo Doce lançaram em 2020 sacos em poliéster reutilizáveis, para fruta e legumes, encorajando os consumidores a reduzir a utilização de sacos de plástico descartáveis.

Vendas a Granel

Em 2020, mais de 80% das lojas da Ara tinham disponível venda a granel de arroz, açúcar, lentilhas ou feijão. Na Polónia e em Portugal, todas as lojas da Biedronka e mais de 230 lojas do Pingo Doce disponibilizam frutos secos e doces a granel.

Verificação Independente

Os dados referentes às poupanças de materiais decorrentes dos projectos de ecodesign e à pegada de plástico do Grupo foram verificados por uma entidade externa e independente no âmbito do Relatório e Contas de 2020 do Grupo.